#CORONAVÍRUS: Crédito para pequenos empreendedores em SP

Todas essas medidas são para incentivar o empreendedorismo, pois sabemos que os micros e pequenos empreendedores são os que mais sentem o impacto desta pandemia.

O governador de São Paulo, já havia anunciado que iria destinar R$225 milhões  para auxiliar os microempreendedores do estado, por meio do Banco do Povo e Desenvolve SP – O Banco do Empreendedor.

Para o Desenvolve SP ainda serão R$ 275 milhões de crédito para os setores de Turismo, Viagens, Economia Criativa e Comércio.

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico afirma que esses setores são  os mais impactados pela pandemia do Coronavírus, por isso estão oferecendo financiamentos com condições especiais.

Através dos sites, é possível obter mais informações e simular a linha de crédito.

Já o Banco Empreendedor reduziu as taxas de juros para facilitar os financiamentos para os pequenos empreendedores.

 

INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE O FINANCIAMENTO:

  • As taxas de juros passaram de 1,43% para 1,20% ao mês;
  • O prazo do financiamento passou de 36 para 60 meses, e a carência foi de três para 12 meses;
  • E o financiamento para capital de giro para as empresas paulistanas são para aquelas que possuem um faturamento anual entre R$ 81 mil e R$ 90 milhões.

 

 

  • POR: William Albuquerque

Leave your comment

× WhatsApp